Instituto Brasileiro de Museus

Museu Imperial

Organize Sua Visita

O Museu Imperial funciona de terça a domingo e em feriados que ocorram durante esses dias (exceto Dia do Trabalho, Natal e Ano Novo).

Não abrimos ao público às segundas-feiras.


HORÁRIOS


TERÇA A DOMINGO

Palácio: 10h às 18h (bilheteria de 9h30min às 17h e limite de entrada até às 17h30min)

Jardins: 7h às 18h (fechamento dos portões às 17h15min)

Pavilhão das Viaturas: 10h às 18h

Loja/Cafeteria: 10h às 18h


PREÇOS


VISITA AO PALÁCIO

Inteira: R$10,00

Meia: R$5,00

Pacote Família (2 inteiras + 2 meias): R$ 25,00

Pagamento apenas em dinheiro.

Meia entrada: Estudantes, professores/funcionários da rede de ensino, maiores de 60 anos, pessoas com deficiência, Servidores municipais de Petrópolis, jovens até 21 anos (Lei 3.364 /2000 – RJ), Jovens de 15 a 29 anos inscritos no CadÚnico e ID jovem.

Gratuidade: maiores de 80 anos e menores de 5 anos, guias de turismo com registro no Cadastur/MTur, estudante dos cursos de Museologia e profissionais registrados nos Conselhos Regionais de Museologia – CRM, servidores ativos e aposentados do IBRAM, membros do ICOM portando carteira com selo de anuidade válida e membros da Sociedade de Amigos do Museu Imperial e aos usuários do programa Vale-Cultura. (mediante comprovação).

ENTRADA FRANCA A TODOS OS VISITANTES ÀS QUARTAS-FEIRAS.

Seguindo a Instrução Normativa IBRAM N°2, de 5 de abril de 2021.

UM SARAU IMPERIAL

ATIVIDADE SUSPENSA

Inteira: R$16,00

Meia: R$8,00

Pagamento apenas em dinheiro.

Meia entrada: Estudantes, professores e maiores de 60 anos (mediante comprovação).

Gratuidade: Menores de 2 anos, guias de turismo e pessoas com deficiência (mediante comprovação).

*Grupos deverão realizar agendamento através dos telefones: (24) 2231-9707/(24) 98101-4558/(24)99955-2730, ou pelo e-mail: carlacoelho03@gmail.com


ESPETÁCULO SOM E LUZ

ATIVIDADE SUSPENSA

Inteira: R$20,00

Meia: R$10,00

Pagamento apenas em dinheiro.

Meia entrada: Estudantes, professores e maiores de 60 anos (mediante comprovação).

Gratuidade: Maiores de 80 anos e menores de 7 anos, guias de turismo com registro no Cadastur, pessoas com deficiência, membros do ICOM e membros da Sociedade de Amigos do Museu Imperial (mediante comprovação).

Petropolitanos e moradores de Petrópolis: R$ 5,00 às sextas-feiras (mediante comprovação).

*Grupos deverão realizar agendamento através do telefone: (24) 2233-0368, ou pelo e-mail: mimp.someluz@museus.gov.br

*Valores reembolsáveis somente em caso de cancelamento do espetáculo.


  • Durante a visita ao Palácio, é preciso calçar as famosas pantufas, contribuindo assim para a preservação dos pisos originais de mármore de Carrara, mármore belga e madeiras nobres.
  • Para cadeirantes e pessoas com problemas de locomoção, o Museu Imperial disponibiliza uma entrada especial, com rampa. Dentro do Palácio, há um elevador para acesso ao segundo pavimento. Em caso de dúvidas ou necessidade de auxílio, os guardas do Museu estão à disposição.
  • Além do Palácio, o Museu Imperial possui outras áreas de visitação: a Sala da Batalha de Campo Grande, que abriga o famoso quadro de Pedro Américo que dá nome ao espaço; o Pavilhão das Viaturas, que reúne meios de transporte do século XIX; e o Pátio Lourenço Luiz Lacombe, nomeado em homenagem a um antigo diretor do Museu e que expõe uma locomotiva que fazia o trajeto de subida da serra no início do século XX.

COMO CHEGAR AO MUSEU


O Museu Imperial fica na Rua da Imperatriz, nº 220, Centro – Petrópolis, cidade serrana do Rio de Janeiro, localizada a 70km da capital do estado. Veja como chegar:

A partir do Rio de Janeiro: seguir pela Rodovia BR-040 sentido Rio-Petrópolis (há um pedágio neste trajeto, administrado pela CONCER). Ao chegar ao topo da serra, você terá duas opções para entrar em Petrópolis: via Quitandinha ou via Bingen. Se nunca veio a Petrópolis, opte pela primeira, pois assim é mais fácil chegar ao Museu. Siga sempre em frente, procurando chegar à rua do Imperador, a principal da cidade. Quando chegar a esta avenida, vá até um monumento em forma de obelisco e entre à esquerda. Você já avistará os jardins do Museu. Siga em frente, tomando a rua da Imperatriz (uma rua dupla entrecortada pelo rio Quitandinha).

A partir de Brasília ou Minas Gerais: seguir pela Rodovia BR-040 sentido Juiz de Fora-Petrópolis (há um pedágio neste trajeto, administrado pela CONCER). Tomar a entrada de Petrópolis no Posto da Polícia Rodoviária (via Bingen). Continue sempre em frente, seguindo as setas rumo ao Centro. Procure, como ponto de referência, a Catedral de Petrópolis. Quando chegar a ela, você estará bem próximo do Museu. Siga em frente, tomando a rua da Imperatriz até a junção com a rua do Imperador; contorne o Obelisco e retome a rua da Imperatriz para chegar ao portão principal do Museu.

A partir de Teresópolis/Friburgo: ao chegar a Itaipava, tome a BR-040, seguindo o mesmo caminho de quem vem de Minas Gerais, ou vá pela Estrada União e Indústria, seguindo as setas em direção ao Centro.

De ônibus: saltar na Rodoviária de Petrópolis. Lá chegando, você poderá tomar um táxi até o Museu, um ônibus até o Centro (o terminal urbano fica dentro da própria Rodoviária) ou dirigir-se ao Centro de Informações Turísticas (CIT) para outras informações. Há linhas de diversas cidades para Petrópolis, administradas pelas empresas Única-Fácil, Útil, Águia Branca/Salutaris, Itapemirim/Rio Doce, Paraibuna, Progresso, Sertaneja e Teresópolis.